Header Ads

SEJA BEM VINDOS AO NOSSO SITE! MARCOLÂNDIA EM ALERTA

Vespera da eleicao tem candidatos preso e baleado

A véspera da eleição está movimentada nos municípios do Piauí. Em São Julião, na noite de sexta-feira, o candidato a vereador Vanderley José de Sá foi alvejado com dois tiros durante atividades da campanha eleitoral.
O candidato foi levado às pressas ao Hospital Regional Justino Luz, em Picos, onde passou por cirurgia. Uma das balas acabou perfurando o pulmão de Vanderley, mas seu estado de saúde já pode ser considerado estável.
O clima eleitoral no município, localizado a 370 Km de Teresina, na fronteira com o Estado de Pernambuco, não é dos melhores. O juiz da 40ª Zona Eleitoral, Marcos Antônio Moura Mendes, proibiu a realização das carreatas que seriam realizadas neste sábado pelas coligações “Unidos por um São Julião Mais Forte” e “A Força que vem do Povo”.
O motivo da proibição está na falta de policiamento ostensivo nas ruas do município, o que favorece a prática de crimes eleitorais e não garante a integridade física de eleitores e candidatos.
Em Jatobá do Piauí, uma ação comandada pelo delegado regional Daniell Pires e acompanhada pelo promotor Cláudio Bastos prendeu um candidato a vereador com uma pistola 380 e um revólver 38 municiados. Ele alegou que anda armado pra se defender de ladrões, pois mora sozinho.
Na noite de sexta-feira, as Polícias Civil, Militar e Federal prenderam o candidato a vereador Valdeck Eduvirgem de Macedo (PTB), da coligação "No caminho certo", que dá sustentação à candidatura do atual prefeito de Jatobá do Piauí, Macedo Bandeira (PT).
O promotor de Justiça, Cláudio Bastos, que esteve na ação, contou que a polícia recebeu a denúncia de que havia um determinado grupo de pessoas fazendo blitz na entrada da cidade, sem ser policiais. Quando chegaram ao local encontraram o candidato numa atitude suspeita, se aproximaram e acharam uma arma modelo pistola 380 carregada só no ponto de ser usada. Após alguns instantes retornaram ao local e lá também encontraram um revólver calibre 32. Valdeck confessou que as armas lhe pertencem e que tem o registro, no entanto, não possui o porte.
“Se a lei permitir a prisão em flagrante, ele será preso”, afirmou o promotor acrescentando que o petebista não terá nenhuma complicação com relação a sua candidatura, a não ser que ele seja condenado e tenha seus direitos políticos cassados.
Em Altos, motoqueiros armados tentaram invadir a casa do candidato a prefeito Espedito Pacífico, mas viaturas da Polícia Militar foram chamadas e a invasão não se consumou. O clima na cidade é de confrontação entre os correligionários de Espedito e Patrícia Leal.




fonte:http://www.meionorte.com/debemcomavida/vespera-da-eleicao-tem-candidatos-preso-e-baleado-225897.html
Postar um comentário

Postagem em destaque

HOMEM MATA MULHER COM PEDRADA E GOLPE DE FOICE EM SÃO MIGUEL DO TAPUIO

Uma mulher identificada como Samara, natural de Aroazes, foi agredida a pedradas e golpe de foice na manhã deste domingo, 19, pelo próprio ...

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.