Header Ads

SEJA BEM VINDOS AO NOSSO SITE! MARCOLÂNDIA EM ALERTA

Esposa cometeu crime com arma que recebeu de presente do marido Polícia divulgou imagens do circuito interno de segurança onde casal morava. Apesar da confissão da mulher, investigadores buscam provas.

Alexandre Hisayasu São Paulo, SP
Segundo a polícia, ciúmes, a suspeita de infidelidade, e uma briga conjugal são os motivos que mulher do executivo Marcos Matsunaga citou para matar o marido. Elize Matsunaga cometeu o crime com uma arma que recebeu de presente do marido.
A polícia divulgou na noite desta quarta-feira (6) as imagens do circuito interno de segurança do prédio onde vivia o casal. As imagens mostram o casal chegando com a babá ao prédio , na zona oeste de São Paulo, às18h35 do dia 19 de maio. Todos entram no elevador. Elize Ramos Matsunaga segura a filha no colo. A  polícia disse que a babá foi dispensada. Na sequência, outra câmera capta o momento em que Marcos Kitano Matsunaga desce no elevador para buscar uma pizza. Ele logo sobe.
Nas imagens seguintes, gravadas às 11h32 do dia 20, Elize segura a porta do elevador com uma das malas e entra com outras duas. Ela sai com um dos carros da família. Só retorna às 23h50 do mesmo dia, sem as malas. Os peritos foram pela segunda vez ao prédio nesta quarta-feira, mas desta vez, acompanhados por Elize.
Embora, segundo a polícia, Elize tenha confessado o crime, os investigadores ainda estão em busca de provas e decidiram fazer uma nova perícia para que ela mostre os locais onde costumava guardas armas e também onde estão possíveis manchas de sangue que não foram encontradas.
Elize prestou depoimento durante oito horas nesta terça-feira no Departamento de Homicídios de São Paulo, o DHPP. Ela chorou algumas vezes.
“Ela confessa a autoria do crime. Ela esmiúça detalhes sobre uma discussão conjugal e que esta discussão conjugal culminou em ela pegar uma 380 e dar um tiro. Ela deixou o corpo por 10 horas num dos quartos do apartamento. Por por ter se formado em enfermagem, e ter trabalhado em centro cirúrgico, ela pegou uma faca e cortou nas juntas, nas cartilagens”, conta o delegado Jorge Carrasco.
Além das imagens das câmeras de segurança do prédio, os investigadores rastrearam o celular de Elize. Descobriram que ela esteve nos mesmos locais onde foram encontrados os sacos plásticos com pedaços do corpo do executivo, em Cotia, na Grande São Paulo. A polícia diz que sacos do mesmo tipo foram encontrados no apartamento do casal.
Postar um comentário

Postagem em destaque

Músico é morto a facadas ao tentar apartar briga de casal

© Divulgação  Sanfoneiro Felipe Divino Mendonça de Melo tinha apenas 20 anos O sanfoneiro Felipe Divino Mendonça de Melo, de 20 anos...

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.