Header Ads

SEJA BEM VINDOS AO NOSSO SITE! MARCOLÂNDIA EM ALERTA

Chafurdado e indefinido estaria o processo sucessório de Caldeirão Grande do Piauí

Quem acompanha a política do município de Caldeirão Grande desde 1986, certamente dirá que o momento político nos remete às eleições municipais do ano 2000. José de Juracy, de saudosa memória, ganhara a eleição do Ildefonso pela diferença de um voto. Zé de Juracy (1.365 votos) e Ildefonso (1.364 votos).
Em 2000, Caldeirão Grande tinha Zé de Juracy como prefeito menos desgastado que o atual Rinado, entretanto, quase perdia à eleição. Três candidatos a prefeito: Zé de Juracy (PP) obteve 1.365 votos, Ildefonso (14) - veja as coincidências, ele era PTB - obteve 1.364 votos e Antônio Neto (PSDB), 415 votos.
Em 2012, portanto, 12 anos depois do resultado da eleição que entrou para a história, Caldeirão Grande volta a ter três candidatos a prefeito. Rinaldo (PTB), Ildefonso (PMN) e João Vianey (PSB). Eleição atípica, claro que não. Caldeirão Grande já viveu mesma experiência, cujo resultado fez de Zé de Juracy o prefeito.
O Portal Novos Tempos, em respeito ao leitor, principalmente aquele que está hoje fora do município e que acompanha a política local através deste Portal, não deseja opinar, embora seu editor, jornalista Adauto Ferreira, tenha noção do que pode acontecer em Caldeirão Grande na Eleição de 2012.
Hoje se vive novos tempos. Tempos de mudanças de comportamento das pessoas. Tempo de Internet, tempo do Portal e Jornal Novos Tempos, tempos em que pessoas como os estudantes Aliysson Ribeiro (Filho do Totó), Érica Rayane (Filha do Isaias Ferreira) e Joyce Suele (Filha da Simone) têm poder de definição através de seus votos.
O jornalista que escreve fez citar as pessoas pegando apenas como exemplos dos novos eleitores de Caldeirão Grande que vão às urnas no dia 7 de outubro de 2012. Diferentemente de 2000, onde prevalecia a intenção do eleitor aculturado, em 2012, por tudo que se tem ouvido, a coisa será diferente, razão desses novos eleitores serem donos do próprio nariz.
Quem quiser que se engane. Não quero com isto gerar uma "guerra psicológica", mas é preciso que atentemos para a nova realidade. Se vive novos tempos onde o comportamento dos políticos tem a avaliação de toda uma gente mas preocupada com o futuro do município do que com as conveniências individuais.
O Portal Novos Tempos vai lhe ajudar prometendo não externar a pretensão do jornalista que escreve quanto a intenção do seu voto. Aliás, por tudo que se vê em Caldeirão Grande, está difícil escolher o futuro governante. Difícil por que, diante dos nomes que estão postos na vitrine, vejo muitos a torcer o nariz.
A manchete: CHAFURDADO E INDEFINIDO ESTARIA O PROCESSO SUCESSÓRIO DE CALDEIRÃO GRANDE DO PIAUÍ, mereceu uma observação, partido de um assídio leitor. Questionando o verbo estar. "Estaria" é um termo usado por jornalistas quando fazem alusão a fatos ditos por outrem.
Se o Portal Novos Tempos trouxessem para si a responsabilidade da informação, certamente usaria o termo, o verbo ESTAR no presente do indicativo, no caso "Está". Logicamente, o Portal Novos Tempos não poderia se expressar desta forma, visto que ouviu dizer.
Portal Novos Tempos
Postar um comentário

Postagem em destaque

Músico é morto a facadas ao tentar apartar briga de casal

© Divulgação  Sanfoneiro Felipe Divino Mendonça de Melo tinha apenas 20 anos O sanfoneiro Felipe Divino Mendonça de Melo, de 20 anos...

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.