Header Ads

SEJA BEM VINDOS AO NOSSO SITE! MARCOLÂNDIA EM ALERTA

Pai de Firmino Filho morre após intervenção cirúrgica no cérebro

O corpo estará sendo velado na Funerária Eterna, na Rua Tersandro Paz com a 1º de Maio


Velório  Velório

Faleceu na madrugada desta terça-feira (11/10), no Hospital São Marcos, na cidade de Teresina, em virtude de uma intervenção cirúrgica para retirada de um coágulo no cérebro, o empresário de 75 anos, que foi proprietário da empresa Mapil Produtos Alimenticios, Firmino da Silveira Soares, pai do deputado Firmino Filho (PSDB).

Dois dias atrás, o senhor Firmino da Silveira caiu de uma rede, batendo com a cabeça no chão, teve um corte e em decorrência disso, um AVC, a cirurgia seria para a retirada de um coágolo.



O corpo está sendo velado na Funerária Lótus, na 1° de maio, 640 no Centro esquina com o Hospital Santa Maria. Deputados, vereadores, ex-secretários e lideranças políticas passaram pelo local.

O sepultamento do senhor Firmino Soares, acontece às 17 horas desta terça-feira (11), no Cemitério Recanto da Saudade

Os trabalhos na Assembleia Legislativa estão suspensos no dia de hoje. A Câmara Municipal também pode suspender sessão.

O vereador Rodrigo Martins (PSB) esteve no velório e falou ao 180graus: "Estou aqui para prestar as condolências, neste momento difícil, o pai de Firmino prestou grandes serviços para Teresina", finaliza o vereador.


O secretário João Alberto também falou ao 180graus: "O (deputado) Firmino foi companheiro de prefeitura por muito tempo e estou aqui para prestar condolências pelo pai dele, que foi um grande empresário em Teresina, mesmo em uma época dificil, ele realizou grande trabalho".







Morre José Vasconcellos, seu 'Rui Barbosa', 85 anos, da 'Escolinha'


Humorista José Vasconcellos  Humorista José Vasconcellos

Morreu às 6h da manhã desta terça-feira (11), aos 85 anos, o humorista José Vasconcellos. Ele estava internado no setor de geriatria do Hospital das Clínicas de São Paulo e sofreu uma parada cardíaca. Vasconcellos sofria de doença de Alzheimer e de problemas nos rins.

As informações são do sobrinho do humorista, o também comediante Rick Régis.

Nascido em Rio Branco, no Acre, José Tomaz da Cunha Vasconcellos Neto era considerado um dos grandes nomes do humor brasileiro.

Começou na rádio e ganhou destaque fazendo esquetes de personagens gagos. Na televisão, 


interpretou o personagem Rui Barbosa Sa-Silva, na "Escolinha do Professor Raimundo" da TV Globo. Sua última aparição nas telas foi no humorístico "Escolhinha do Barulho", da TV Record, em que viveu o mesmo personagem.
Fonte: Com informações do G1 


Cassado prefeito do Piauí que trocou votos por bebidas alcoólicas

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) acaba de cassar o prefeito de Santo Inácio do Piauí (413 km de Teresina), Inácio Batista de Carvalho, e o seu vice-prefeito, Auro Aparecido de Carvalho. Ele tinha sido absolvido na Zona Eleitoral pelo juiz, que considerou improcedentes as denúncias.
O TRE entendeu de forma diferente e cassou, por unanimidade, Inácio Batista (PTB) e Auro de Carvalho , acusados de distribuição de bebidas alcoólicas em comícios em troca de votos.
Ele foi condenado por compra de votos, abuso do poder político e econômico, pela distribuição de bebidas alcoólicas em comícios e de demitir servidores da Prefeitura que se negaram a apoiá-lo.
O TRE decidiu ainda que deverá haver nova eleição no município, em data a ser marcada em 2011.
O relator do processo foi o juiz eleitoral Manoel de Sousa Dourado, que foi favor a condenação em uma Aime (Ação de Impugnação de Mandato Eletivo), que foi ajuizada na Comarca pelo representante do PPS, Amaral de Araújo Moura Jesuíno, que foi o segundo colocado nas eleiõções para a Prefeitura de Santo Inácio do Piauí.
O TRE do Piauí vai realizar nova eleição em Santo Inácio do Piauí porque o segundo colocado não atingiu 50% mais um dos votos válidos.
Inácio Batista é o 51º cassado pelo TRE do Piauí de 2009 a setembro de 2011. O estado é o campeão de cassação de prefeitos por irregularidades administrativas e eleitorais no país.
Fonte:Meionorte.com


MULHER vítima de descarga é velada dentro de saco de lixo

NA CAROLINA tinha ido comprar bicicleta para a sua filha; e família quer processar a Eletrobrás
Ela tinha 21 anos; corpo num saco, dentro do caixão
Ela tinha 21 anos; corpo num saco, dentro do caixão

Nesta terça-feira (11/10), o 180graus esteve na casa da família da jovem Ana Carolina de Oliveira Silva, 21 anos, que morreu após forte descarga elétrica , na Avenida Presidente Kennedy, próximo ao colégio Sinopse, zona Leste de Teresina.
O drama vivido por Ana Carolina é ainda muito maior do que a maioria da população imagina. Ela tinha saído de casa para comprar uma bicicleta. Queria dar de presente, pelo Dia das Crainças, para a filha, de apenas 3 anos de idade. Foi a um supermercado para comprar parcelado em doze prestações.
Pobre, morava numa pequena casa localizada à rua Genes Celeste, bairro Ininga, também na zona Leste. A família estava chocada com o que tinha acontecido. Ana Carolina era uma pessoa simples, trabalhadora (ajudava uma senhora  com serviços de casa: faxina, cozinha etc) e tinha o esposo e um filho morando fora do Piauí, como trabalhadores rurais.
DRAMA NO VELÓRIO
Na casa simples da família o corpo foi velado na parte externa. Como não possui muro, nem terraço, ficou num espaço aberto, com um pequeno telhado. De acordo com o advogado Antônio de Pádua Rego Neto, a jovem foi colocada dentro de uma saco de lixo, já que, como corpo carbonizado,, só ficaram as pernas. “Fui até o IML e só entregaram as pernas e as cinzas. Uma pessoa que saiu inteira, voltou apenas cinzas e pernas. É lamentável”, relattou.
Velório ocorre em um casebre no bairro ininga; caixão ficou fechado
FILHO PASSA BEM
A jovem de 21 anos era mãe de dois filhos. O pequeno Pablo Victor, de 9 meses, era quem estava com ela, nos braços dela, na hora da tragédia. Além deste, tinha uma outra criança, de apenas 3 anos de idade. "A Ana Carolina ainda estava amamentando o Pablo. Agora são duas crianças que terão o amparo da família, sem a mãe", disse. O advogado da família contou que Ana Carolina estava indo ao supermercado Hiper Bom Preço para comprar uma bicicleta para a filha, pelo dia das crianças. “Ela fez planos para comprar essa bicicleta. São de poucos recursos e ela ia dividir em diversas prestações para presentear a filha”.
Ana Carolina ajudava a mãe com os serviços domésticos e uma vizinha
COMO ACONTECEU A DESCARGAAna Carolina estava acompanhada de uma amiga, que também estava com uma criança. De acordo com esta amiga, não havia nenhum fio de alta tensão no chão. Ela passou no mesmo local antes de Ana Carolina, mas a jovem encostou no poste para passar. Este poste estaria eletrocutado e por isso ocorreu a tragédia. De acordo com o advogado da família, a amiga que estava com Ana Carolina contou que o bebê dela foi arremessado cerca de um metro do poste no momento que a jovem pegou a primeira descarga elétrica. “O filho teve pequenas escoriações, mas passa bem e está em casa. Foi um advogado que levou o Pablo para o hospital”.
Pai de Ana Carolina, seu Antônio, com a foto da filha, Ana Carolina
MARIDO NÃO TEM CONDIÇÃO DE SEPULTAR A JOVEMO marido da vítima, identificado como Francisco, está trabalhando em Minas Gerais em um plantio de batata. “Está na época da colheita da batata, e ele foi pra lá, conseguir melhorar a renda. O irmão dela também está trabalhando, e os dois não tem condição de vir a Teresina para sepultar Ana Carolina, que é direito deles, já que aconteceu”, contou o advogado. Os familiares querem mover uma ação contra a Eletrobras. Segundo  Antônio de Pádua Rego Neto, a família aguarda a finalização da perícia, que deve ser concluída em dez dias, para ajuizar uma ação contra a Eletrobrás. Esta ficou de garantir um amparo financeiro para as crianças, mas nada confirmado até agora. “A Eletrobrás mandou ainda ontem uma assistente social, que afirmou que ajudaria no funeral. Mas não podia garantir as passagens para a volta do marido e irmão. Colaborar com o funeral não é mais do que obrigação. Queremos um amparo. Não vão dar de volta a vida da Ana Carolina, mas as crianças precisam de amparo financeiro”. 
Momento em que o corpo de Ana Carolina pegou fogo ao tocar no poste
ELETROBRÁS DIVULGA NOTA FALANDO DO QUE OCORREU
A Eletrobrás divulgou uma nota de esclarecimento, mas não tratou de indenização. Apenas lamentou o ocorrido. Diz o seguinte: A Eletrobras Distribuição Piauí lamenta o acidente ocorrido na noite de ontem, no bairro São Cristóvão, na Zona Leste de Teresina, no qual faleceu Ana Carolina de Oliveira Silva. A causa aparente foi uma descarga elétrica ocorrida em um poste de propriedade da companhia. A empresa esclarece que está apurando o motivo do acidente. A filha de um ano de Ana Carolina, que estava com a mãe no momento do acidente, passa bem e está na casa dos avós. A Eletrobras Distribuição Piauí manifesta sua solidariedade e condolências à família da vítima e está prestando a assistência necessária. Teresina, 11 de outubro de 2011 - A Diretoria".

180 Graus.com
Postar um comentário

Postagem em destaque

Pitbull é morto a tiros após atacar criança na Zona Norte de Teresina

Um criança de oito anos ficou seriamente ferida após ser mordida por um cachorro na rua 9 da vila Padre Eduardo, zona Norte da capital. ...

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.