Header Ads

SEJA BEM VINDOS AO NOSSO SITE! MARCOLÂNDIA EM ALERTA

Vereador é assassinado em frente à Câmara Municipal de Itacuruba-PE!

O vereador Gilmar Freire da Silva, mais conhecido como ‘Mazinho’, foi assassinado agora a pouco em frente à Câmara Municipal de Itacuruba, a 124 km de Salgueiro. Segundo informações extra-oficiais do programa ‘Espaço Cidadão’ da rádio Talismã FM, quatro homens se aproximaram do parlamentar em um Volkswagen Gol, cor prata, de placa não identificada e efetuaram diversos tiros, a maioria na cabeça, o que caracteriza o crime como execução. Ainda de acordo com informações preliminares, Mazinho vinha sendo ameaçado e havia solicitado recentemente proteção da polícia. O homicídio ocorreu na parte frontal da Casa Legislativa Manoel do Vale, localizada na Avenida Aníbal Cantarelli, n° 100, no centro da cidade. Gilmar é ex-presidente da Câmara de Vereadores de Itacuruba. Policiais militares que estavam nas imediações da rua onde o vereador foi baleado, ouviram os tiros e chegaram a perseguir os autores do homicídio, mas o grupo conseguiu fugir pelo Rio São Francisco em um barco que já estava os esperando para facilitar a fuga. A polícia ainda desconhece a autoria e o motivo do crime. 

Fonte: Blog de Alvinho Patriota

Morre o ator Yvan Mesquita aos 79 anos

O ator Yvan Mesquita morreu na noite desta segunda-feira (1) aos 79 anos, no Rio de Janeiro, de falência múltipla de órgãos. Segundo Maryucha Mesquita, filha mais nova do artista, ele era diabético e estava internado há mais de um mês.

O trabalho mais recente do ator foi na minissérie "Os maias", de 2001, em que ele interpretou o Coronel Sequeira. Mesquita também atuou em "Gabriela, cravo e canela", "Corpo a corpo" e na primeira versão de "Mulheres de areia", de 1973.

Segundo a família, o ator será cremado na tarde desta quinta-feira (4) no Memorial do Carmo, no Rio de Janeiro. Yvan Mesquita era casado há 35 anos e deixou dez filhos, além de netos e bisnetos.
 Fonte: G1

Operação Poty descobre “mansão do tráfico” e sequestra 7 imóveis no PI

A Polícia Civil do Piauí prendeu 21 pessoas acusadas de tráfico de drogas e lavagem de dinheiro.

A operação Poty descobriu que o tráfico está montando uma rede patrimonial que envolve mansões que dão suporte aos traficantes em Teresina. Uma das residências que chamou atenção da polícia foi a localizada na Santa Maria da Codipi, zona Norte, com piscina, churrasqueira, móveis de luxo e uma central com seis ar-condicionados.



O delegado de Prevenção e Repressão a Entorpecentes, Samuel Silveira,disse que a casas são suportes aos traficantes. “Encontramos imóveis de alto valor como mansões do tráfico avaliadas em R$ 500 mil até R$ 1 milhão, carros de luxos e proprietário sem nenhuma ocupação lícita”, disse o delegado durante coletiva com a imprensa.





Na coletiva, o delegado apresentou a mansão e divulgou a relação dos 21 presos na operação Poty deflagrada hoje pela Delegacia de Entorpecentes.


cidadeverde.com
Postar um comentário

Postagem em destaque

Mãe e padrasto são presos suspeitos de espancar criança de 2 anos até a morte, em Goiânia

Casal registrou ocorrência dizendo que criança morreu em decorrência de acidente de moto. Porém, investigação apontou lesões de agressões...

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.