Header Ads

SEJA BEM VINDOS AO NOSSO SITE! MARCOLÂNDIA EM ALERTA
BRs tem 47 pontos de prostituição no Piauí

A Polícia Rodoviária Federal do Piauí está intensificando o combate à prostituição nos principais pontos das estradas federais que cortam o Estado. Após o mapeamento dos pontos vulneráveis à exploração sexual de crianças e adolescentes, ocorrido em 2010, foram notificados 47 pontos de prostituição no Piauí.
A partir de agora a PRF está trabalhando no combate à prostituição de menores nesses pontos que foram identificados. “Temos uma dificuldade muito grande em prender o caminhoneiro na hora do flagrante, por conta disso, o trabalho da PRF está mais concentrado na prevenção do que na repressão”, explicou o inspetor Rameiro, da assessoria de Comunicação da PRF-PI. Em 2010, 14 menores que estavam circulando principalmente em postos de combustíveis, foram retirados dos pontos de vulnerabilidade e encaminhados aos Conselhos Tutelares de cada município. “Somente nos primeiros meses de 2011 esse número chegou a 12 menores apreendidos”, disse.
Com base em questionários preenchidos pelos agentes da Polícia Rodoviária, em cada local visitado foram atribuídos diferentes graus de risco aos pontos identificados – baixo, médio, alto e crítico. No Piauí, dos 47 pontos identificados, 32 são considerados críticos, localizados principalmente nas BRs 343 e 316.
O levantamento não diz que esses pontos têm, necessariamente, exploração sexual, mas apresentam características que podem facilitar o crime. “A presença de crianças e adolescentes nesses locais, indício de tráfico de drogas, prostituição de adultos, consumo de bebidas alcoólicas e grande concentração de caminhoneiros são características de exploração sexual”, explicou o inspetor Rameiro.
Todo o levantamento com os pontos de prostituição no Piauí foram enviados para as entidades governamentais e não-governamentais do Estado. “A partir daí é possível traçar políticas públicas de repressão e de prevenção nessas estradas e municípios que têm maior fluxo de veículos e caminhoneiros”, disse Rameiro.
A fiscalização nos caminhões também foi intensificada neste início de ano. “Há uma estreita relação da vulnerabilidade e da presença de caminhoneiros em postos de combustível. Era comum caminhoneiros transportando menores; com o policiamento e fiscalização diárias conseguimos diminuir esse problema”, finalizou Rameiro.
jornalista292.com.br
Postar um comentário

Postagem em destaque

Marcelo Rezende morre aos 65 anos em São Paulo

Apresentador do "Cidade Alerta" lutava contra um câncer desde abril O jornalista Marcelo Rezende morreu neste sábado (1...

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.