Header Ads

SEJA BEM VINDOS AO NOSSO SITE! MARCOLÂNDIA EM ALERTA

Capotagem mata representante farmacêutico no Sul do Piauí

Acidente aconteceu entre as cidades de Geminiano e Picos, na BR-407. Corpo do motorista ficou preso nas ferragens. 

Um capotamento no final da tarde deste sábado terminou com a morte do representante farmacêutico Agenildo João de Moura, 43 anos. O acidente aconteceu na BR-407, entre os municípios de Geminiano e Picos, Sul do Piauí. 

O incidente ocorreu por volta de 17h. O Gol de placa LWP-7123, dirigido por Agenildo, capotou em um curva próximo ao município de Geminiano. O motorista morreu na hora. 

A Polícia Rodoviária Federal foi acionada. O Corpo de Bombeiros trabalhou no desencarceramento para que o corpo, preso nas ferragens, pudesse ser retirado. 

O sargento Francisco Pimentel informou ao Cidadeverde.com que o veículo continha várias caixas de Amoxicilina, medicamento que o condutor comercializaria.

Os trabalhos no local já foram encerrados. O corpo da vítima foi encaminhado para o hospital regional Justino Luz, para em seguida ser liberado aos familiares. 

cidadeverde.com

 

Prefeitos são maioria dos réus por desvios de recursos no Piauí

Atualmente, cerca de 300 processos tramitam na Procuradoria da União no Piauí por desvios de recursos públicos nos últimos dois anos. Contudo, de acordo com um levantamento feito pela Advocacia Geral da União (AGU), 60% dos réus em processos relativos ao desvio de recursos são prefeitos e ex-prefeitos. Os principais problemas estão  nos recursos repassados por convênios nas áreas da saúde e da educação.

A análise e o julgamento das contas dos gestores públicos levam em conta se os desvios foram resultados de má-fé ou de falta de estrutura, especialmente das prefeituras. Em alguns casos, segundo o advogado da AGU no Piauí, Sérgio Miranda, as falhas são relativas ao despreparo do gestor. "Sempre se procura levar em consideração a estrutura da prefeitura e verificar se atenuantes para a falha de determinado
gestor", afirma.

Por outro lado, de acordo com ele, também os casos de "má-fé" entre os gestores públicos. "São de fato os casos em que corrupção pensada. E isso geralmente acontece em recursos na educação e saúde, que são repassados através de convênios com a União", disse. Sérgio Miranda explica que nos últimos anos tem sido observado um aumento no volume de ações e processos administrativos contra gestores que desviam recursos no Estado. "As denúncias da sociedade têm sido um forte aliado nesse trabalho de combate à corrupção", acrescentou.

Re l a tór ios da Controladoria Geral da União (CGU) apontam que a aplicação correta dos recursos públicos federais ainda está longe do ideal. De 2002 a 2009, cerca de R$ 60 milhões foram desviados no Piauí. A CGU não concluiu ainda os dados de 2010. Sérgio Miranda ressalta que todos os gestores processados são notificados, conforme tramitação da ação. Mesmo com a morosidade que acontece nos casos de ações civis públicas, que podem durar anos, é possível perceber resultados.

"Com a notificação ou condenação, eles são obrigados a devolver os valores, sob pena de prisão, caso não cumpram a medida. São recursos que o Governo Federal transfere para os municípios para convênios com hospitais ou para aplicar na educação", afirmou Miranda.

Nos últimos dois anos, cerca de 103 ações da AGU resultaram na devolução de R$ 7,4 milhões aos cofres públicos. O grupo proativo de combate à corrupção do órgão ajuizou 21 ações envolvendo o Tribunal de Contas da União (TCU), que realizou atualização de contas e pedidos de parcelamentos dos devedores, sejam eles, prefeitos, ex-prefeitos, vereadores e gestores públicos de forma geral. Somente essas ações fizeram retornar aos cofres públicos R$ 1,6 milhão. Outros acórdãos feitos pelo TCU, oriundos de condenação de gestores e multas, resultaram em um ressarcimento à União de R$ 2,5 milhões.

    Fonte: Mayara Bastos - Jornal O DIA

PI: Confira a lista das Câmaras Municipais inadimplentes no Tribunal de Contas do Estado

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) estipula prazo de 60 dias para a prestação de contas dos municípios, mas de acordo com o órgão, várias prefeituras e câmaras municipais do Piauí já estão sem apresentar os devidos balancetes no sistema de prestação de contas eletrônico do TCE a alguns meses. Por conta disso, cerca de 80 câmaras municipais do Piauí são consideradas inadimplentes pelo Tribunal.

Em alguns casos, a prestação de contas está atrasada desde outubro de 2010. Devido essas irregularidades, os municípios listados pelo TCE ficam impedidos de movimentar recursos até que a prestação de contas seja regularizada. Os gestores só voltarão a ter direito de movimentar recursos, após a regularização da prestação de contas dos seus municípios. Em alguns casos, o tribunal chegou a pedir intervenção na cidade, mas os pedidos não foram atendidos pelo governo.

De acordo com o sistema de busca do TCE, que origina dados a partir de 2010, as cidades abaixo são consideradas inadimplentes:
*Alegrete do Piauí
*Boqueirão do Piauí
*Canto do Buriti
*Cocal
*Cristalândia do Piauí
*Jatobá do Piauí
*João Costa
*Luzilândia
*Madeiro
*Miguel Leão
*Miguel Alves
*Monte Alegre do Piauí
*Morro Cabeça no Tempo
*Nazaré do Piauí
*Pajeú do Piauí
*Prata do Piauí
*Rio Grande do Piauí
*Santa Luz
*Sebastião Leal
CONFIRA ABAIXO O DOCUMENTO DO SITE DO TCE-PI
E as cidades abaixo seguem na lista de inadimplentes, mas aparecem no Sistema Sagre, utilizado para classificação, como adimplentes, com documentação complementar. Veja as cidades:
Acauã
Agricolândia
Altos
Antônio Almeida
Aroeiras do Itaim
Arraial
Aroazes
Avelino Lopes
Batalha
Barras
Barreiras do Piauí
Barro Duro
Bertolínia
Betânia do Piauí
Boa Hora
Brasileira
Brejo do Piauí
Campinas do Piauí
Campo Alegre do Fidalgo
Campo Grande do Piauí
Campo Largo do Piauí
Canavieira
Canto do Buriti
Capitão de Campos
Capitão Gervásio Oliveira
Caracol
Cocal dos Alves
Cocal de Telha
Conceição do Canindé
Coronel José Dias
Corrente
Cristino Castro
Currais
Curral Novo do Piauí
Curralinhos
Demerval Lobão
Dirceu Arcoverde
Domingos Mourão
Elesbão Veloso
Elizeu Martins
Esperantina
Fartura do Piauí
Floresta do Piauí
Francinópolis
Francisco Ayres
Geminiano
Gilbués
Ilha Grande
Itainópolis
Itaueira
Jatobá do Piauí
João Costa
Joaquim Pires
Joca Marques
Juazeiro do Piauí
Júlio Borges
Jurema
Matias Olímpio
Monsenhor Hipólito
Monte Alegre do Piauí
Morro do Chapéu do Piauí
Nossa Senhora dos Remédios
Nova Santa Rita
Novo Oriente
Olho D Agua do Piauí
Paes Landim
Palmeira do Piauí
Palmeirais
Parnaguá
Passagem Franca do Piauí
Pau D'arco do Piauí
Paulistana
Pavussu
Pedro II
Pedro Laurentino
Porto
Porto Alegre do Piauí
Riacho Frio
Ribeira do Piauí
Santa Cruz dos Milagres
Santa Rosa do Piauí
Santo Antônio dos Milagres
Santo Inácio do Piauí
São Francisco de Assis do Piauí
São Gonçalo do Gueguéia
São João do Arraial
São João do Piauí
São Julião
São Miguel do Tapuio
São Pedro do Piauí
Sebastião Barros
Sigefredo Pacheco
Socorro do Piauí
Tamboril
Tanque do Piauí
Valença do Piauí
Várzea Branca
Várzea Grande
Vera Mendes
Uruçuí
 
Fonte: 180graus
Postar um comentário

Postagem em destaque

Marcelo Rezende morre aos 65 anos em São Paulo

Apresentador do "Cidade Alerta" lutava contra um câncer desde abril O jornalista Marcelo Rezende morreu neste sábado (1...

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.